Inspiração

Bijuterias para quem gosta de exclusividade

CML Bijoux

O que o Direito tem em comum com o mercado de acessórios femininos? Aparentemente, nada. Mas a advogada Camila Duaik Albuquerque consegue conciliar essas duas áreas completamente diferentes com muita criatividade.

Apaixonada por moda e bijuterias, há dois anos criou a CML Bijoux especializada em colares. A empresa desenvolve design próprio, sintonizado com as tendências nacionais e internacionais.

No DNA da marca, a sustentabilidade é um dos pontos fundamentais, que determina a forma de produzir, reduzindo o desperdício, e a escolha de matérias-primas como fibras naturais, pedras brasileiras e madeiras certificadas.

Colar de madeira- CML Bijoux

Colares com contas de madeiras certificadas.

Cada peça, produzida artesanalmente, é exclusiva. “Confeccionamos um modelo de cada. Então, é impossível encontrar alguém com um colar igual”, diz Camila. O público-alvo da CML Bijoux são mulheres que gostam de acessórios grandes, cheios de personalidade, que transformam qualquer roupa básica.

A produção do catálogo da nova coleção primavera-verão 2018 contou com a participação da Sta Gemma. Nossa loja, e flores, foram usadas para trazer as cores e o frescor da estação mais quente do ano.

Colar de Pedras Brasileiras - CML Bijoux

Linha de peças inspiradas nas cores e nas formas orgânicas das pedras brasileiras.

Colar Medalhão com Pedras - CML Bijoux

Tons terrosos e alaranjados para conectar-se com a natureza.

Colar de Fios Naturais - CML Bijoux

Camila Duaik e o maxi colar de fios de algodão, um dos itens mais vendidos da coleção.

Colar de Pérolas - CML Bijoux

Para quem não abre mão da elegância clássica, pérolas!

Para saber mais, siga o perfil da marca no Instagram: @cml.bijoux.

Decoração

Como usar flores e plantas em festas infantis

Festa Infantil Safari

As flores naturais sempre estiveram presentes nas festas de crianças, mas desde o ano de 2016 transformaram-se em item obrigatório na decoração. Além do colorido, ajudam a compor o clima proposto pelo tema e acrescentam frescor ao ambiente.

Plantas e flores podem ser usadas nas mesas de doces e auxiliares, como lembrancinhas e até como arranjos aéreos. Para você não errar na hora de decorar, vamos mostrar quatro festas organizadas pela Sta Gemma, três de menina e uma de menino, inspirada nos safáris africanos.

Rosas brancas e vermelhas para Minnie

Festa Infantil Minnie - Mesa de Doces

Nesta festa de menina, o tema foi inspirado na Minnie. Como o vermelho e o branco são as cores da personagem da Disney, as flores escolhidas para decorar a mesa do bolo foram rosas brancas e minirrosas vermelhas. Dois arranjos altos, colocados ao lado do bolo, criaram uma linda moldura visual.

Festa Infantil Minnie - Detalhes

Para que a mesa de doces ganhasse ainda mais destaque, criamos um muro inglês, um painel coberto por plantas, emoldurado por cortinas e balões. Aos pés da mesa, a jardineira com samambaias havaiana. As orelhinhas da Minnie dão um toque divertido à folhagem.

Savana Africana

Festa Infantil Safari

Um safári nas savanas africanas. Este foi o tema escolhido para a festa de um menino de dois anos. Aqui, as flores foram substituídas por folhagens. Na mesa do bolo, arranjo com samambaias paulistinha, que têm folhas menores e o aspecto mais rústico. A parede atrás da mesa foi forrada com esteiras de palha. Macacos de pelúcia brincam entre as folhas de costela-de-adão e xanadu, uma espécie de filodendro.

Na mesa auxiliar, entre as folhas de dinheiro-em-penca e samambaia paulistinha, reinam outros animais da África: leão, elefante, tigre, cobra e até dois simpáticos hipopótamos.

Festa Infantil-Safari

Nas lembrancinhas, vasinhos com suculenta echeveria e malinha com doces e um binóculo para os pequenos aventureiros.

Jardim de Primavera

Festa Infantil Primavera

Nesta festa, as flores foram o tema central. Na cartela de cores, tons de rosa e verde colorem o ambiente, anunciando a chegada da Primavera. O tradicional muro inglês com folhas de ficus, ganhou vasinhos com delicadas kalanchoes.  Na mesa de doces,  vasos rústicos com arranjos de rosas spray. O bolo também ganhou mais frescor com flores naturais.

Festa Infantil Primavera-Detalhe

Aos pés da mesa de doces, dezenas de vasinhos com kalanchoes da variedade More Flowers criam um pequeno jardim encantado.

Festa no apartamento

Festa Infantil no Apartamento

Para os pais que querem optar por uma festa mais simples, esta é uma ideia muito charmosa. A mesa de jantar ganha ares de festa com doces, balinhas, pirulitos e o bolo.  Peças em tons vibrantes, como o pink e o laranja, conferem alegria ao ambiente. Aqui, criamos um mix de folhagens e flores distribuídos estrategicamente sobre a mesa.  E para integrar a parede atrás da mesa de doces na decoração, balões coloridos dão mais amplitude ao espaço.

Festa Infantil no Apartamento- Detalhe do Arranjo

Detalhe do arranjo: mix de avencas com rosas spray.

 

Arranjo da Semana

Folhagens em vez de flores

Nem só de flores vive um arranjo. As folhagens, com suas cores e texturas, também garantem um belo visual. Na criação desta semana, selecionamos oito espécies com características muitos especiais que, quando unidas, compõem um arranjo único!

Descubra as particularidades de cada planta:

Dracena : Fácil de cuidar e muito resistente, a dracena adapta-se muito bem em ambientes fechados. Originária da África Central, a planta faz parte de uma grande família botânica, a Aspargaceae, com espécies de cores e tamanhos variados. Esta planta ornamental, além de embelezar, também purifica e retira resíduos tóxicos do ar.

Sementes de Eucalipto: A folhagem do eucalipto, conhecida por seu aroma, é muito usada em arranjos florais para dar um toque de cor e perfume. Mas as sementes desta árvore também ganham cada vez mais espaço na decoração. O formato delicado e o tom verde vivo ficam lindos em qualquer tipo de arranjo e também funcionam muito bem sozinhos.

Haran: Nativa da China e do Japão, a Aspidistra Elatior, mais conhecida como haran, é considerada uma das plantas mais resistentes do mundo. A folhagem verde escura, grande e vistosa consegue sobreviver com o mínimo de cuidado e com pouca água. Por este motivo, é uma ótima planta para ambientes internos, com pouca luminosidade. Na decoração, as folhas flexíveis em forma de lança conferem volume e textura aos arranjos florais.

Aspargo Rabo-de-Gato ou Aspargo Pluma: Planta de pequeno porte, muito cultivada para fins ornamentais. As folhas pequenas e delicadas, em forma de agulha, crescem ao longo das hastes eretas. Quando adultas, as hastes ganham aspecto escultural e lembram plumas ou um felpudo rabo-de-gato.

Echeveria ou Rosa-de-pedra: O formato desta suculenta de folhas carnudas lembra uma rosa. Daí a origem do nome popular, rosa-de-pedra. Fácil de cuidar, pode ser cultivada em vasos ou plantadas na terra. Para manter a echeveria em apartamentos é só seguir a seguinte fórmula: pouca água e muita luz.

Bálsamo-azul: Originária do sul da África, esta suculenta é muito usada no paisagismo para decorar muros, floreiras ou telhados verdes. De crescimento rápido e porte rasteiro, as folhas carnudas têm a forma cilíndrica, terminando em ponta, e a cor azulada. A planta também é conhecida como bálsamo alemão e dedo azul. Como toda suculenta, gosta de lugares ensolarados.

Planta-pérola: Esta espécie de suculenta lembra muito uma minibabosa. O charme da planta está nas folhas, rígidas e afiadas, cobertas por pequenas protuberâncias brancas peroladas. De crescimento lento, a planta-pérola é uma ótima opção para escritórios e outros ambientes internos.

 Dianthus Verde: Planta ou flor? Esta é a primeira pergunta que vem à mente quando vemos a dianthus verde. O formato arredondado, que lembra pompom, e a textura macia e aveludada criam grande impacto visual. Nativa da Europa e Ásia, é uma espécie híbrida do cravo que foi ganhando cor e forma após anos de experiências e cruzamentos. Apesar do aspecto delicado, seu tempo de vida útil é de três a quatro semanas. Gosta de temperaturas amenas.

Flores da estação

Flores do Inverno

Vaso com cymbidium verde

Quem acha que não dá para manter a casa florida no inverno, vai se surpreender com a variedade e a beleza das flores produzidas na estação mais fria do ano.  Selecionamos quatro espécies que vão colorir, perfumar e iluminar todos os cantos da casa!

Lírio

Arramjo de Lírio Rosa

Flores grandes, vistosas e perfumadas. Estas são as características mais marcantes do lírio, que o transformaram em uma das plantas mais conhecidas do planeta. Ele é tão apreciado como planta ornamental, que acabou ganhando várias espécies híbridas. Algumas das versões não tem o mesmo perfume do original, mas oferece mais opções de tamanhos e cores.

As flores do lírio se desenvolvem por meio de um bulbo, uma espécie de “cebola” que fornece os nutrientes que a planta precisa.

Para aumentar a durabilidade da flor, retire os grãos de pólen com uma tesoura. Assim você evita roupas manchadas e alergias.

Gérbera

Vaso com gérberas laranja

A Gérbera floresce o ano todo, mas é no inverno que fica mais bonita. Quando o assunto é diversidade de cores, reina absoluta. Existem mais de 60 variedades da flor e todas as tonalidades tem nomes! A planta, que é nativa da América do Sul, África e Ásia, é da família das Asteraceae, a mesma do girassol e da margarida. O que explica a semelhança entre elas.

Uma curiosidade sobre a Gérbera: as pétalas da flor não são pétalas. Na verdade, são folhas modificadas conhecidas na botânica como brácteas. As flores estão no miolo da planta, bem pequenas, agrupadas e protegidas pelas vistosas e coloridas brácteas.

Apesar da aparência delicada, é muito resistente. Para garantir a durabilidade da flor, na hora da compra observe o miolo. Se estiver com todas as florzinhas abertas (elas parecem anteninhas), está madura, portanto vai durar pouco. O ideal é comprar a flor quando o miolo ainda estiver sem as flores.

Boca-de-leão

Vaso com boca-de-leão

Com a chegada dos dias frios, a boca-de-leão começa a florescer. O nome, que faz referência a um animal, está relacionado ao formato das flores. Nativa do Mediterrâneo, é uma das plantas preferidas para jardim.

As flores, em formato de espiga, formam grandes cachos. Uma única planta é capaz de produzir de sete a oito espigas. Pode ser encontrada nas cores laranja, pink e roxa, mas também vem em tons pastel como rosa, branca e amarela. As folhas, em formato de lança e com o tom de verde escuro, criam um belo contraste.

Além da beleza visual, a boca-de-leão também exala um perfume gostoso, bem suave.

Quando plantada em vasos, adapta-se muito bem. Se uma flor murchar, pode ser removida sem prejudicar a aparência das outras flores. Isto vai forçar a planta a produzir hastes adicionais, que florescerão na próxima estação.

Cymbidium

Vaso com Qrquidea Cymbidium Pink

A Cymbidium é uma das orquídeas mais populares do mundo. Há indícios que seu cultivo começou há 2.500 anos na China. O nome é derivado do grego, Kumbe, que significa “em forma de barco”.

Originária da Ásia subtropical (Índia, China, Japão, Malásia) e Austrália, é típica de regiões com altitudes elevadas. Resistentes, conseguem sobreviver a temperaturas baixas e tem longo período de floração. Produz até 15 flores por planta. A orquídea pode ser encontrada nas cores branca, creme, amarela, rosa, verde, vermelha e laranja.

No Butão, a Cymbidium é uma iguaria da culinária, servida com curry ou guisado picante.

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Arranjo da Semana

Tango: a folhagem que reflete o brilho do sol

Arranjo de Tango

O destaque deste arranjo, que tem a cor amarela como tema central, é uma folhagem delicada, prima do girassol, chamada Solidago Canadensis. Aqui no Brasil esta plantinha é mais conhecida como Tango ou Vara-de-ouro, uma referência ao brilho dourado das flores quando iluminadas pelos raios do sol.

Nativa da América do Norte, adapta-se muito bem ao clima tropical. Na verdade, a tango cresce bem em qualquer tipo de terreno – campos, matas, terras úmidas e ao longo das estradas.

Tango-Folhagem

A planta é formada por uma haste central, revestida de folhas verdes e estreitas, em forma de lança. As pequenas flores amarelas nascem em grupos, ramificadas, nas pontas das hastes. Apesar do tamanho reduzido das inflorescências, a folhagem é volumosa, o que favorece seu uso na decoração de jardins e em arranjos florais.

Curiosidade: Aqui a tango faz sucesso, mas em alguns países da Europa e da China é considerada planta invasora. O motivo é a rapidez com que consegue espalhar as suas sementes.

Fotos: Vinicius Vasconcelos (Arranjo)/ Jee & Rani Nature Photography (Tango) – Creative Commons

Salvar

Salvar

Decoração

Kalaii: Estampas exclusivas e peças multiuso

Kalaii - acessórios para a casa

Desenhar mandalas é um hábito mantido por diversas culturas durante séculos. Segundo a crença, estas figuras circulares formadas por linhas retas e curvas representam o fluxo da vida e a nossa relação com o universo.

Para a arquiteta e designer Juliana Kalaigian, fundadora da marca de acessórios para casa Kalaii, as mandalas são a chave do seu processo criativo. “Toda estampa que crio, nasce a partir do desenho inicial de uma mandala. Tudo acontece naturalmente, começo a desenhar o centro da mandala e, a partir daí, a figura ganha formas e cores”, conta Juliana.

Os tecidos estampados com os desenhos exclusivos da Juliana deram origem a uma linha de produtos para a casa que são carro-chefe da marca: jogos americanos, capas para sousplats, almofadas e caminhos de mesa, entre outros.

Juliana KalaigianJuliana Kalaigian: a mente criativa por trás da marca (Foto: Lucas Oliveira)

Com apenas um ano de vida, a Kalaii já conquistou o público jovem que quer algo moderno, colorido e elegante para decorar a sua primeira casa. “A cor entra de forma pontual, trazendo equilíbrio entre estampado e liso, claro e escuro. Isso traz muita vida ao ambiente”, explica Juliana. Para conseguir a intensidade certa da cor, o segredo está no tecido escolhido: o algodão. “Ele absorve o impacto dos tons muito vibrantes, e como resultado conseguimos uma cor quente e alegre na medida certa. Também ganhamos mais uma vantagem: todos as peças combinam entre si”.

Um acessório, muitos usos

A versatilidade das peças é um dos pontos fortes da marca. Cada acessório pode ser usado de muitas maneiras, conforme a necessidade e a criatividade. Um bom exemplo disso é a capa para sousplat. Além de mudar a decoração da mesa facilmente, com o novo adereço ele pode ser usado como bandeja ou suporte para bolos e aperitivos.

O cestinho de tecido transforma-se em cachepot, porta-lápis, estojo de maquiagem ou cesto de pão.  O mesmo vale para os jogos americanos, que substituem a toalha de mesa e também vão para a bandeja do café.

Capa para sousplatCapas para sousplat

Cestinha de tecido KalaiiA cestinha de tecido tem mil utilidades!

Para o verão 2017, a marca trouxe mais uma novidade, a canga.  Mas não se trata de uma canga tradicional. A peça é circular, com 140 cm de diâmetro, e tem a frente com tecido estampado e o verso atoalhado, 100% algodão.

Kalaii - Canga

Juliana Kalaigian conta que para o segundo semestre já está preparando mais quatro novas estampas exclusivas com novas cores e texturas que prometem agradar em cheio o público da marca. Afinal, a Kalaii nasceu para colorir e trazer mais vida para a casa!

Onde encontrar:

https://www.kalaii.com.br/

Fotos: Kalaii (produtos)

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Decoração

Café da manhã e flores: para começar bem o dia

Café da manhã e flores

Considerado uma das principais refeições, o café da manhã é fundamental para aqueles que desejam um estilo de vida saudável. Além de fornecer a energia necessária para as tarefas do dia, a alimentação matinal também aumenta o desempenho intelectual.

Mas não adianta comer qualquer coisa e sair correndo para o trabalho. Nesta hora da manhã, é importante criar um pequeno ritual. Cada detalhe bem cuidado, garante um ambiente perfeito para iniciar bem o dia.

Café da manhã e flores

Para o café da manhã no jardim, arranjo com margaridas e alstroemérias

Neste contexto, arrumar a mesa para o café da manhã pode fazer toda a diferença. Se você precisa sair muito cedo, siga estas dicas superpráticas:

– Deixe a mesa arrumada na noite anterior. Você vai precisar de poucos itens: talheres de sobremesa (garfo, faca e colher), prato raso, xícara com pires, copo ou taça de vidro, colher de chá e guardanapo.

– Em vez de toalha, use jogo americano. Cria um belo visual e ainda é fácil de limpar.

– Geleias, manteiga, requeijão podem ser colocados em uma pequena bandeja dentro da geladeira. Assim, fica tudo separado e pronto para levar à mesa.

Café da manhã e flores

Porta-copos estampados da Kalaii embelezam e protegem a mesa

Para deixar a mesa do café da manhã ainda mais caprichada, decore com flores. Pense nas cores, no formato das pétalas, no efeito visual que deseja criar. Para um clima de campo, gérberas. Se a proposta é sofisticação, você pode usar orquídeas, rosas ou callas. O formato do vaso também contribui para o resultado final do arranjo. Se a mesa for pequena, use vários minivasos.

Detalhe importante: como as flores vão ficar em cima da mesa, escolha espécies que não tenham perfume acentuado, como o lírio, por exemplo. Quando se trata de refeições, o que deve prevalecer é o cheirinho gostoso do alimento.

 

Fotos: Marco Pinto e Kalaii/ Agradecimento: Juliana Kalaigian

Decoração

Flores para o altar

Flores para altar

Diz um ditado popular que “a casa é um lugar sagrado”, um espaço onde é possível fechar a porta e manter o mundo lá fora. Podemos dizer que esta mesma ideia está inserida quando o assunto é criar um altar dentro de casa. Mas com uma diferença importante: o altar alimenta o desejo de se conectar com a parte espiritual que vive dentro de nós.

Este pequeno templo dentro da casa exerce um papel fundamental na rotina dos moradores. Ele garante momentos de reflexão para enfrentar os desafios do dia-a-dia. O tempo de quietude que experimenta toda manhã ou à noite, cria bem-estar e serenidade interior.

Você pode montar o altar em qualquer espaço que desejar, e do tamanho que quiser. O fundamental é determinar um propósito para ele. Quanto mais claro estiver sobre o seu objetivo, mais força terá seu altar.

Flores para o altar

A mesa de madeira serve de base para o altar montado no jardim. A mosquitinho ou gypsophila, uma das variedades mais delicadas de flores, deu um toque singelo ao espaço sagrado.

Os objetos escolhidos variam de acordo com a crença de cada um. Porém, existe um elemento que está sempre presente, não importa o tema: as flores. Além de trazer energia vital para o altar, cada flor tem uma propriedade especial, que agrega um significado. Por exemplo, o açafrão, que pode representar um novo recomeço.

O perfume das flores também aguça os sentidos e, instantaneamente, dá sensação de prazer e felicidade. Várias pesquisas revelam que o cheiro pode afetar a maneira como você se sente, as suas reações emocionais. Este é um dos motivos de usar flores, incensos e velas perfumadas. O olfato humano é tão sensível, que se você sentir um cheiro que gosta, imediatamente vai se conectar com a energia criada pelo altar.

Flores para o altar

Detalhe do altar da nossa loja, que abriga a Sta Gemma. No cantinho de fé, taça de prata com rosas colombianas.

Em cada flor, um propósito

Existem uma infinidade de flores que podem embelezar seu altar, mas fizemos uma pequena lista que vai ajudá-lo nos primeiros passos:

– Crisântemo: introspecção, meditação, longevidade

– Açafrão: novo recomeço

– Margarida: felicidade, inocência

– Iris: esperança, fé

– Jasmim: beleza, alegria

– Lírio: perfeição, pureza

– Lótus: iluminação, sair da escuridão para a luz

– Calêndula: longevidade

– Prímula: encontrar a alegria na adversidade

– Rosa: amor

– Girassol: otimismo, alegria

– Tulipa: vitalidade, amor sensual

Violeta: representa família

 

Fotos: Marco Pinto e Vinicius Vasconcelos/ Agradecimento: Maria Angélica Dicieri

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Decoração

Velas artesanais na decoração

Velas na decoração

A luz da vela transforma tudo o que toca e cria várias maneiras de iluminar um espaço. Aliada à decoração, as velas podem mudar o clima do lugar, produzindo uma atmosfera acolhedora em apenas alguns minutos. E foi justamente por ser um acessório tão prático e versátil, que Yara Colafemina criou um espaço onde a vela é a protagonista.

Yara Velas nasceu há 11 anos, mas a empresária já trabalha com velas artesanais há 18 anos. Não importa a ocasião, a loja está preparada para atender os mais diferentes estilos de eventos. Se o cliente quiser conchas e estrelas do mar, tem. Animais, também tem. Luminárias, velas flutuantes, garrafas de vinho? Tem! O que permite criar velas artesanais de formatos tão variados são as sete mil formas do acervo da loja, que moldam a parafina de acordo com os desejos do cliente.

Caminhar pelo espaço é uma experiência surpreendente. A cada passo, o olhar é atraído por velas de todos os formatos e texturas. As prateleiras são organizadas como se fossem uma cartela de cores. O que facilita encontrar as peças nas tonalidades desejadas.

Velas para todos os tipos de evento

Velas para todos os tipos de evento

 

O modelo tradicional de velas pode ser encontrado em várias cores

O modelo tradicional de velas pode ser encontrado em várias cores

 

Velas em formato de garrafas de vinho

Velas em formato de garrafas de vinho

 

Cinco motivos para usar velas na decoração

Para aqueles que querem usar velas artesanais e não sabem por onde começar, Yara Colafemina diz que o principal é determinar qual será a função da vela no espaço escolhido.  A empresária destaca cinco bons motivos:

1- Definir o clima do ambiente: romântico, festivo, aconchegante

2- Celebrar os bons momentos

3- Perfumar a casa

4- Iluminar os cantos escuros

5- Criar uma atmosfera de relaxamento e bem-estar

Para cada propósito, existe um tipo de vela que vai proporcionar a luz na intensidade adequada, criando o efeito desejado. Luminárias de parafina são perfeitas para enfeitar mesas.  “Em uma mesa retangular de dois metros, por exemplo, dá para usar seis velas, intercaladas com flores”, diz Yara. Se a mesa for redonda, podem ser duas velas e um vaso. Os lavabos ganham charme especial com luminárias de parafina e flores. As áreas externas também podem ser decoradas com peças de parafina especiais para jardins. E na piscina, velas flutuantes.

Velas para a área externa

Velas para a área externa

 

Velas com formato de Buda

Velas com formato de Buda

 

Luminária de parafina em formato de abajur

Vela de Querubim e luminária de parafina em formato de abajur

Yara faz uma recomendação importante: na hora de comprar as velas, certifique-se de que são feitas com parafina pura, sem nenhuma mistura. Isto garante a qualidade da iluminação e a durabilidade da peça.

Use velas com segurança

– Nunca deixe a vela acesa sem que haja alguém no ambiente.

– Crianças e animais devem ficar longe de velas acesas.

– Mantenha uma distância segura entre velas acesas, no mínimo sete centímetros.

– Não deixe velas acesas perto de cortinas.

– Para manter as velas na posição correta, use sempre porta-velas ou castiçais. Isto evita o contato com a cera quente.

– Caso o pavio seja muito longo, corte alguns centímetros antes de acendê-lo.

– Não use nenhum tipo de líquido para apagar a vela, nem sopre a chama. Use o apagador de velas.

– Velas flutuantes só devem ser usadas na água.

 

Onde comprar

Yara Velas

http://www.yaravelas.com.br/

Rua Marcos Lopes, 203

(11) 3848-9590

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Flores da estação

É temporada de Cúrcumas!

Buquê de cúrcumas brancass

Cultivada há mais de quatro mil anos, a Cúrcuma ficou popular pelo poder medicinal de suas raízes. De cheiro forte, cor amarelada e sabor picante, quando seca e moída, transforma-se em rica especiaria com poderes antioxidante e anti-inflamatório.

A planta tropical, que produz uma raiz tão singular, também dá origem a flores exóticas que esbanjam beleza. As hastes altas sustentam uma estrutura em forma de espiga que, à primeira vista, parece flor. Na verdade, são folhas modificadas, chamadas de brácteas. E sua função original é proteger as pequenas flores lilases que a planta produz. Para cumprir o papel de protetora, as brácteas podem assumir cores, formas e texturas semelhantes às das pétalas. No caso das cúrcumas, elas também ajudam a atrair insetos polinizadores. Leia mais…